Por que produtos orgânicos são mais caros?

O produtor orgânico se preocupa com a preservação do meio ambiente e tem compromisso com a qualidade de vida de seus empregados. O produto, então, pode ter seu custo de produção um pouco maior, acrescido destas responsabilidades cidadãs. A oferta em relação à procura por produtos mais saudáveis, também eleva o preço no mercado. Mas, tanto em supermercados como nas feiras livres é possível adquirir produtos orgânicos com preços compatíveis. Escolher produtos orgânicos estimula o crescimento desta prática, aumenta a oferta e diminui seu preço ao consumidor.

Produzir alimentos orgânicos é um desafio para as cooperativas de agricultura familiar, pois necessita muita criatividade e pesquisa para continuar operando de forma econômica. Por depender essencialmente de capinas manuais e de controles de pragas e doenças alternativas, a produção orgânica exige um grande volume de mão de obra.

Além disso, o maior custo de adubos, o menor volume transportado, a menor escala de produção, e a menor durabilidade dos produtos torna o produto final ainda mais caro. E ainda precisamos também considerar as variações climáticas que influenciam e muito na produção destes alimentos, semana passada por exemplo tivemos um volume altíssimo de chuva no RS e isso prejudicou muito a produção destes agricultores e os prejuízos que eles têm são grandes :/ então com todas estas questões que envolvem a produção dos orgânicos acaba impactando no preço final.

Nós precisamos entender que o alimento orgânico que vai para a sua casa foi plantado e cultivado manualmente e que sim é um produto artesanal e sabemos que todos os produtos artesanais têm um valor maior por serem feitos a mão e com uma escala de produção menor.

Se você tiver a chance de conversar com algum produtor de alimentos orgânicos, verá que nenhum deles considera a tarefa fácil, mas muito desafiadora. Dependendo da praga que começa a atacar o campo, o agricultor pode perder todo o trabalho de um ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima